• Andréa Nóbrega

Dicas essenciais para ser um bom líder em sua Clínica Estética




Segundo a literatura, gerir significa delegar tarefas e administrar uma equipe com eficácia. Na internet, existem várias listas e relatos de hábitos dos grandes líderes e empresários de sucesso, desde acordar cedo até se exercitar diariamente.


Se inspirar em profissionais é excelente, eles têm muito a ensinar. Mas seguir à risca todos os hábitos deles pode não surtir os mesmos resultados que eles obtiveram na vida profissional. Cada pessoa tem seus limites e deve organizar sua rotina de acordo com sua realidade de vida. Por isso, adapte-se. Tenha eles como inspiração. Afinal, um bom líder é o primeiro a dar o exemplo.


Hoje em dia, para ser um bom líder é preciso ir muito além de simplesmente obter bons resultados de vendas ao final do mês. No fim das contas, integrar e incentivar a equipe a bater as metas e atingir os objetivos de sua clínica da melhor maneira possível são incumbências que fazem parte integral dos mandamentos que guiam os líderes de sucesso.


E você, tem se esforçado para também se tornar um bom líder? Você é um líder de equipe que desafia e motiva seus funcionários? Procura oferecer incentivos para que os colaboradores aumentem sua produtividade e seu desempenho geral? Você sabe mesmo como ser um bom líder de equipe?


Continue lendo e amplie sua eficiência.




Dicas essenciais:


1- Dialogar: Manter um diálogo com os funcionários e entender a situação de cada um no grupo. Esse interesse inicial mostra que você se preocupa e quer ajudar no desenvolvimento de todos.


2- Orientar: Um bom gestor orienta, ensina, dá o caminho, traça um plano de ação para atingir os objetivos. Ter uma visão holística e entender como cada um da equipe pode contribuir com a entrega é um desafio estratégico de um bom gestor.


3- Ter Espírito de equipe: Uma boa gestão é feita com espírito de equipe, onde todos colaboram com o gestor que lidera e reconhece as conquistas.O bom gestor sabe reconhecer os bons profissionais e captar o que cada um tem de melhor a oferecer em prol do resultado coletivo. Um bom líder aprende com o time, escuta as opiniões e valoriza os pontos de vista diferentes.


4- Resiliência: Em poucas palavras, resiliência é a capacidade que alguém tem de lidar com contratempos e de superá-los. Exercendo a função de líder, essa habilidade é imprescindível no dia a dia de sua clínica, já que as crises, transformações, prejuízos e outras eventualidades são simplesmente inevitáveis.


5- Competência: Procure ser um líder que conhece bem as atividades que coordenará, além de também ser capaz de efetivamente realizá-las, se for preciso.

6- Visão: Líderes de sucesso anteveem a direção para onde caminha a empresa, o que os possibilita pensar e efetivamente realizar ações com foco na evolução concreta do negócio. Não tente olhar apenas para sua área e suas rotinas. É necessário estar diretamente ligado a cultura e aos objetivos da empresa e os resultados de todos. Colaborando com soluções novas à problemas antigos.


7- Empreendedorismo: Para ser um bom líder, é preciso ter espírito empreendedor. Isso significa que você não pode se conformar com as dificuldades impostas pelo mercado, nem procurar se adequar ao mesmo modelo de negócio da concorrência, por exemplo. Ao contrário, um líder de sucesso não cai na rotina, ele busca novos desafios sempre e trabalha com prazer e conhecimento sobre o que é melhor para seu cliente, dentre inúmeras outras coisas. Um bom líder inspira o time e motiva a empresa para o sucesso!

8- Relacionamento: Líderes de sucesso também são pessoas que sabem se relacionar bem com os outros, sejam eles clientes, colaboradores, chefes ou quaisquer colegas de trabalho. O líder deve saber ouvir sugestões, filtrar comentários, identificar eventuais inaptidões e motivar sua equipe quando perceber momentos de dificuldade. Além disso, esses momentos mais difíceis exigem também pulso firme e objetividade — quando necessários, claro.

Liderar não é fornecer as respostas prontas, é encontrar as melhores respostas para os problemas e implantar soluções inteligentes.

Lembre-se: ser simpático e educado com a equipe é uma coisa, ser permissivo é outra. Por isso, encontre a medida certa e boa sorte!